sábado, 14 de maio de 2011

Campeonato Amazonense 2011 - 9º rodada do 2º turno [14/05/2011]

Em uma bela tarde de Sábado (14/05/2011) ocorreu o fechamento da 9º rodada e última da fase classificatória do returno com três partidas no interior.

A Crítica - Sul América é goleado e rebaixado. (Rafael Solano)

Em Rio Preto da Eva, o Sul América buscava uma vitória crucial para a fuga do rebaixamento, já o Nacional queria garantir de vez sua ida as semifinais. A partida mostrou um verdadeiro massacre digno de uma "sexta-feira 13", mas o calendário marcava sábado 14. A primeira etapa marcou um Nacional novamente perdendo uma "carrada" de gols, enquanto o Sul América pouco fazia, em meio a este quadro que aos 20 minutos, Titton marca de cabeça e abre o placar nacionalino, resultado levado aos vestiários no intervalo. A segunda etapa inicia e Vinícius simplesmente massacra o Sulão, digno de Jason, o meia-atacante marca três vezes aos 8 (pênalti sofrido por Titton que Vinícius bate com precisão), 21 (após lançamento de Catatau, Vinícius bate com categoria) e 44 (após um toque sutil por cima do goleiro) minutos, ainda teve tempo de Almir descontar para o trem da Colina, mas nada que alterasse o quadro irreversível de goleada e rebaixamento. Ao fim de 90 minutos, 4 a 1 mostrou a diferença marcante das duas equipes.

Com o resultado o Nacional não só assegura sua vaga como sobe para o 3º lugar, já o Sul América com a derrota é rebaixado e disputará a acesso em 2012.

A Crítica - América empata e se garante na 1º divisão. (Rui Costa)

Em Iranduba, o América jogava a sobrevivência na 1º divisão do estadual, já o São Raimundo almejava uma goleada que lhe credenciaria a líderança final do returno. O jogo começou com atraso devido a demora do time do Mecão que chegara atrasado no estádio. Na primeira etapa o América abriu placar aos 30 minutos com Rondinelle, porém aos 35 foi a vez do Tufão marca e empatar a partida com Evandro Gaúcho, o resultado é mantido até o intervalo. A segunda etapa foi marcada pela queda brusca no jogo, onde ambos pareciam satisfeitos com o resultado. Aos 30 minutos Kinha do São raimundo em um lance infeliz, marca contra e põe o Mecão na frente novamente, mas no último lance de partida o oportunista Washington empata a partida aos 48 minutos e dá números finais ao marcador. O empate por 2 a 2 foi o placar final da disputa.

Com o resultado o São Raimundo termina a fase classificatória na vice-liderança, já o América escapa do tão temido rebaixamento. 

A Crítica - Operário vence, mas não se classifica. (Lissandro Windson)

Em Itacoatiara, o Operário procurava uma vitória para ir as semifinais, mesmo precisando de combinação de resultado, já o Fast tinha as mesmas pretensões do Tufão, ou seja, a liderança com uma goleada. A partida é marcada pela "chuva de gols" que aumentou a média do campeonato. Na primeira etapa o Fast (jogou com alguns reservas) dominou completamente o jogo, mas foi marcar apenas aos 38 minutos com Dione “Lacraia” que chutou com categoria após receber bola na frente da área. Na segunda etapa o festival de gols começou. Aos 2 minutos o atacante Renato empata a partida. O Sapão vira a partida com Bazinho aos 9 minutos que marcou após não devolução de bola (fair-play) para o time fastiano. Aos 11 minutos o Fast empatou com Ricardo Gomes em uma bela cabeçada. Porém Renato marcou mais duas vezes, aos 14 e 20. Mesmo jogando com 10 (Marcio Parintins expulso), o time fastiano ainda diminuiu aos 26 minutos com o zagueiro Fábio Gomes.

Com o resultado o Fast cai no G4 e fica em 4º lugar, já o Operário vence, mas não consegue a classificação para fase final do returno.

Melhores momentos Sul América x Nacional (TV A Crítica)



E estão aí as estatísticas atualizadas:


Com os resultados a classificação ficou da seguinte forma:


Veja as estatísticas gerais após a 9º rodada:


Após os jogos a artilharia ficou:


Vejamos como ficou a classificação final:

2 comentários:

Sao Raimundo Esporte Clube disse...

A melhor defesa não seria a do Penarol, com 14 gols ? (Tabela Final)

15 de maio de 2011 19:38
Dilson Oliveira disse...

As estatísticas gerais contam a fase final do 1º turno na qual o Penarol sofreu mais 2 gols (Operário 1x2 Penarol e Penarol 2x1 Nacional), sofrendo então 16 gols.

Dilson Oliveira

16 de maio de 2011 06:20

Postar um comentário